O monge Ave Maria

Espero caros amigos que tenham desfrutado os belos faróis que foram postados ontem. Particularmente, eu tenho uma profunda admiração por eles. Talvez porque fui nascida e criada em uma Cidade que possui vários e encantadores faróis, entre os quais cito o de Mont Serrat, que está situado num dos mais belos sítios de Salvador.
Saindo de algo admirativo, vamos imitar o Conselho de Jesus e nos tornarmos pequenas crianças, que fomos um dia, para nos entreter com uma bela história, que desenvolve o tema acima.
Os pais, de modo geral, gostam muito de contar histórias  aos seus filhos.
Eu sempre 20160811_095942gostei de contar aos meus filhos! E vocês também, não é verdade? Vamos começar:
Uma vez em determinado vilarejo, nasceu dentro de uma família bem pobre, uma criança. Na época de seu nascimento apesar da pobreza em que viviam, foi uma alegria sem igual, o nascimento dela.
As pessoas amigas, vizinhos, ficavam dizendo o que ela iria ser quando crescesse. Os pais muito confiantes na Providência Divina e na misericórdia de Nossa Senhora Auxiliadora, tudo faziam para que as primeiras palavras que o filho pronunciasse fossem “Ave Maria”. Ora, sabemos que tudo que fazemos depende da graça do Senhor e que tudo que acontece em nossa vida, Ele permite q
ue aconteça. E quantas coisas boas ocorrem em nossas vidas. Porém se ele permitir que nos ocorra algum mal, dele sempre tirará um bem.
Mas voltemos ao fio da meada: o nome da 008mongecriança era Gabriel. Ele foi crescendo e de repente perdeu seu pai, que era tão bondoso e temente a Deus. Ora, nós sabemos o que significa a perda de um pai. Eu perdi o meu, e talvez você também tenha perdido o seu, e bem sabemos a ferida grande que fica em nosso coração. Algumas pessoas achavam Gabriel uma criança doente, já outras o achavam frágil demais e essa fragilidade o impossibilitava de falar.
De repente, perde a mãe também, e nesse contexto de sofrimento, cresce sendo ajudado por amigos e moradores da região, porque não tinha outros familiares. Estando maior, resolve bater à porta de um grande mosteiro.
Lá chegando, encontra um irmão, que o recebe e tenta ajudá-lo. Teve muita dificuldade de se comunicar com o frade, porque Gabriel só sabia dizer a palavra Ave Maria. Corre esse irmão para o superior e fala sobre Gabriel. O superior o acolhe e lá vive Gabriel com toda humildade, simplicidade ,obediência, amor a Deus e a seus irmãos.
Olha meus amigos! ´nós sabemos o que é ficar afônico! Sem dar uma palavra. Eu já fiquei e é um desespero sem igual, imagine a vida toda você sem falar!
Gabriel viveu sua vida ao lado dos irmãos do mosteiro, de forma humilde no meio de seus irmãos, mas brilhante aos olhos de Deus. Com resignação, obediência e aceitação da sua deficiência.20160811_100023
Todo o mosteiro o admirava e o amava muito. E o tempo passou, como passa para todos nós!
Assim, ele viveu cozinhando, lavando, varrendo, plantando, rezando, e sempre servindo a todos, com alegria e sempre confiante no Senhor Jesus.
Estando mais velho, Deus o chamou para junto Dele. Foi um grande sofrimento para todos, a sua partida.
Um dia, seus irmãos se reuniram para rezar próximos à sua sepultura, e de repente, ouviram um suave ruído que saía da terra e quando deitaram seus olhares sobre o local, surpresa: nascera no jardim, um belo lírio no qual, entre suas pétalas, estava escrito AVE MARIA. A única palavra que durante toda a sua vida pronunciou.

Bom, amigos. Gostaria que dissessem o que acharam dessa história.

 

Anúncios

2 comentários em “O monge Ave Maria

  1. Achei linda a história! Isso nos mostra que precisamos confiar em Deus, mesmo que pareca estarmos só e apesar das nossas limitações e sofrimento, Ele estará sempre conosco, guiando nossos passos!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s