Grandes Mártires do Cristianismo

Resultado de imagem para Fotos Santo andré kim e paulo chong

COM QUANTA RAZÃO DISSE TERTULIANO ( séc II ): “SANGUE DOS MÁRTIRES É SEMENTE DE NOVOS CRISTÃOS”.

Meus irmãos e minhas irmãs, hoje abrindo a liturgia diária, deparei-me com dois grandes homens considerados  santos e mártires pela Igreja Católica e sua  memória  foi celebrada no dia 20 de setembro.  É um dever cristão fazer uma homenagem a esses dois mártires da Igreja e o faço com o coração cheio de amor, respeito e admiração. Pois, quando a Igreja se pronuncia sobre a santidade de uma pessoa, o faz após um demorado processo que tem várias fases.

Sinto-me tocada pela emoção, quando  leio a vida de pessoas que deram seu sangue por amor a Deus e a sua Santa  Igreja e que muito pouca gente conhece. É algo que nos edifica e eleva, sobretudo quando se trata de pessoas cuja história se passou em países com minoria cristã, como é o caso da Coréia. Gostaria de compartilhar com vocês o conhecimento que adquiri sobre esses santos  em pesquisas junto a revistas e sites especializados.

Resultado de imagem para fotos da cena do martírio da coreia

A fé cristã entrou na Coréia no séc XVII. Formou-se nesse período uma pequena comunidade de leigos, isto é de simples fiéis, que não eram sacerdotes nem religiosos. Em 1.836, começaram a chegar os primeiros missionários,  oriundos da França. Era uma comunidade de fé e de amor a Deus e ao próximo. E assim, aos poucos foi crescendo,  despontando como líderes o  Pe. André Kim Taegon e o insigne apóstolo leigo Paulo Chong Hasang. É bom lembrar que a Igreja sofreu duras perseguições nos anos de 1839, 1846 e 1866.  Nesta comunidade, floresceram, com as perseguições, cento e três mártires, entre os quais sobressaem o  ardoroso  Pe. André Kim  e o valoroso Paulo Chong  Hasang, mencionados acima,  a que se juntaram muitos leigos, homens e mulheres, casados e solteiros, velhos, jovens e crianças. Todos eles consagraram com seu testemunho e sangue as primícias da Igreja coreana.

Gostaria de transcrever da Liturgia das Horas a última exortação de Santo André Kim presbítero e mártir. ( Pro Corea. Documenta; Ed, Mission, Catholique Séoul/Paris, 1938, vol. I, 74-75)

Queridos irmãos e irmãs, essa exortação é extraordinária. O importante é que saibam que, com o seu martírio, estes heróis da fé foram sementes para  o surgimento de milhões de cristãos existentes  hoje na Coréia do Sul,  um dos países  onde o catolicismo mais cresce no mundo.

Da última Exortação de Santo André Kim Taegón, presbítero e mártir (Pro Corea. Documenta., ed. Mision Catholique Séoul, Séoul-Paris 1938, Vol. I,74-75)  (Séc.XIX)

A fé é coroada pelo amor e a perseverança

Meus caríssimos irmãos e amigos, considerai como Deus no princípio dos tempos dispôs os céus, a terra e todas as coisas; meditai também com que especial intenção criou o ser humano à sua imagem e semelhança.

Se, pois, nesta vida de perigos e miséria, não reconhecermos o Criador, de nada nos servirá termos nascido e continuar vivendo. Já neste mundo pela graça divina, pela mesma graça recebemos o batismo, entrando no seio da Igreja e tornando-nos discípulos do Senhor. Mas, trazendo assim o precioso nome de cristãos, de que nos servirá tão grande nome, se na realidade não o formos? Seria inútil termos nascido e ingressado na Igreja se traíssemos o Senhor e a sua graça; melhor seria não termos nascido do que, recebendo a sua graça, pecarmos contra ele.

Resultado de imagem para multidao acolhe papa francisco na coreia do sul
Multidão acolhe o Papa Francisco na Coreia do Sul

Considerai o agricultor ao lançar a semente no campo : primeiro, prepara a terra com o suor do seu rosto e depois joga a preciosa semente; chegando o tempo da colheita, alegra-se de coração com as espigas cheias, esquecendo seu trabalho e suor, e dançando de alegria; se porém as espigas permanecem vazias não sendo mais que palha e casca, o agricultor deplora o duro labor com que suou, sentindo-se tanto mais desesperado quanto mais trabalhou.

De modo semelhante, cultiva o Senhor a terra como seu campo, sendo nós os grãos de arroz; rega-nos com o seu sangue na sua Encarnação e Redenção para que possamos crescer e amadurecer; quando, no dia do juízo, vier o tempo da colheita, quem pela graça for achado maduro gozará o reino dos céus como filho adotivo de Deus. Quanto aos outros, que não amadureceram, tornar-se-ão inimigos, punidos para sempre, embora também tenham se tornado filhos adotivos de Deus pelo batismo.

Resultado de imagem para beatificacao do papa na coreia do sul
Beatificação dos 125 mártires coreanos

Irmãos caríssimos, lembrai-vos de que nosso Senhor Jesus, descendo a este mundo, sofreu inúmeras dores e tendo fundado a Igreja por sua paixão, ele a faz crescer pelos sofrimentos dos fiéis. Apesar de todas as pressões e perseguições, os poderes terrenos não poderão prevalecer : da Ascensão de Cristo e do tempo dos apóstolos até hoje, a santa Igreja continua crescendo no meio das tribulações. Também nesta nossa terra da Coréia, durante os cinquenta ou sessenta anos em que a santa Igreja se estabeleceu aqui, os fiéis sempre sofreram perseguições. Hoje acendeu-se de novo a perseguição; muitos amigos são, como eu, lançados nos cárceres, enquanto também sofreis tribulações. Unidos num só corpo, como não ficarão tristes os nossos corações? Como, humanamente, não experimentarmos a dor da separação?

Deus, porém, como diz a Escritura, cuida de cada cabelo de nossa cabeça, e o faz com toda a sabedoria; portanto, como não considerar esta perseguição senão como permitida pelo Senhor, ou mesmo, seu prêmio ou, até, sua pena? Abraçai, pois, a vontade de Deus, combatendo de todo o coração pelo vosso chefe Jesus e vencendo o demônio, já vencido por ele.

Resultado de imagem para beatificacao do papa na coreia do sul
Papa Francisco na Coreia do Sul

Eu vos peço : não deixeis de lado o amor fraterno, mas ajudai-vos uns aos outros, perseverando até que o Senhor tenha piedade de nós e afaste a tribulação. Aqui somos vinte e, pela graça de Deus, todos ainda estão bem. Caso algum de nós venha a morrer, peço não negligenciardes a sua família. Muitas coisas teria ainda a dizer-vos, mas como posso exprimi-las em tinta e papel? Por isso vou terminar minha carta. Aproximando-se para nós a luta, peço-vos finalmente que caminheis com fidelidade, de modo que no céu nós possamos congratular. Deixo-vos aqui meu ósculo de amor.¨

Santo André e São Paulo Chong, rogai por nós.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s