O aconchego dos ninhos.

ninho 1.jpg

O assunto que hoje vamos tratar é belo e interessantíssimo, e  penso que agradará a  pessoas de todas as idades, e sobre ele gostaria de dar uma pequena e modesta pincelada,

Um certo dia,  ao chegarmos  na chácara Sorriso  de Maria  para passarmos um fim de semana, começamos a descarregar as bagagens (aliás,  não tem jeito, ninguém escapa delas, não é verdade?).

Continuando, estávamos  ajudando a descarregar as malas quando o nosso caseiro chamou-nos: venham aqui  ver que coisa linda! Chegando ao local,  do que se tratava?  Simplesmente  de um ninho de um beija-flor na folha de uma palmeira. Até  então nunca tinha visto  um ninho em local tão insólito. Fiquei impressionada!  Sempre fui  fascinada pela variedade  dos ninhos dos pássaros, e tive a oportunidade de ver e admirar vários até porque a chácara é muito arborizada,   o que a torna propícia para a nidificação (é a ação de alguma espécie de animal construir seu ninho), dos mais variados pássaros.

ninho3.jpg

Mas esse ninho era especial!   Vocês não imaginam irmãos! Um lindo casal de beija-flores resolveu confeccionar o seu ninho em uma simples folha de uma não menos simples palmeira, bem baixa e na margem de um caminho muito tansitado! O vento neste dia soprava forte e aquele ninhozinho  era arremessado prá cima e prá baixo, para um lado e para o outro e mantinha-se firme.E com mamãe beija-flor nele, deitada impávida e serena, parecendo gostar daquele arrojado balanço. Eu  dizia: Oh!  Deus!  Se já houver filhotes debaixo da mãe, eles vão cair gente, vão morrer!  Mas, não caíram!. Mais tarde, voltamos ao local e a mamãe beija-flor não estava presente e pudemos visualizar dois filhotinhos, ainda sem penas, mas bem juntinhos e respirando tranquilamente  Que coisa impressionante e admirável!

ninho2.jpg

 E foi a partir deste momento, que me veio um grande desejo  de um dia  pesquisar sobre esse tema, até porque a chácara é muito favorável para isto. Por exemplo, o local onde tomamos café é  muito bom para qualquer pessoa filmar e fotografar ninhos que são feitos por diversas espécie de aves, sobretudo as sabiás.E ver os pais alimentando seus filhotes.

Recentemente, descobrimos  um ninho de ¨garrincha¨ dentro de um lustre tipo candeeiro afixado na parede da varanda do sítio e fiquei pensando, como é lindo esse trabalho,  como o casal desses pequenos e laboriosos pássaros consegue realizar tal coisa!  Como  trabalham carregando nos seus bicos diversos tipos de material para formar seus ninhos  e ali a fêmea  pôr seus ovos  , sem ninguém os ter ensinado.  Pois é, nossos pais nos ensinaram praticamente tudo, mas os animais foi o próprio Deus.  Ficamos admirando aqueles seres tão pequenos exercendo seu instinto de procriação,  de paternidade e maternidade de forma tão perfeita! E  ficamos a pensar!  Como Deus fez essas maravilhas  capacitando os animais com instintos  tão apurados, engenhosos e de certo modo inerrantes.

ninho4.jpg

Uma certa feita, ouvi uma professora, se não me engano de Psicologia dizer uma frase que nunca esqueci: “O instinto é a inteligência da espécie” e é verdade. Mas depois, eu ousei formular uma outra frase a esta correlata: “O instinto é a providência da espécie” Reparem que eu escrevi providência com “p”minúsculo.

E  estas maravilhas da criação, parece-me confirmar o  acerto destas duas frases.Com efeito, a Providência Divina que rege sabiamente o Universo, através das causas segundas, inoculou nas mais variadas espécies de animais existentes instintos perfeitos e , volto a dizer, inerrantes, para  manterem-se, propagarem-se e cuidar da sua prole, tudo de modo eficiente e belo.

 Mas voltando aos ninhos, quanta diversidade, desconcertante funcionalidade  e beleza!

Amigos e amigas, como sabemos, são diversas as formas e tamanhos dos ninhos, construídos com os mais diversos materiais e confeccionados nos mais diferentes locais.Por exemplo, temos os papagaios, araras,picapaus, que picam ou perfuram  troncos de árvores para elaborar seus ninhos.

ninho5.jpg

Como dito antes, há muitas espécie que utilizam gravetos, capim, palha, barro , cupim, pelos de outros animais.  Eles usam o bico como ferramenta para construí-los, como o faz o João de Barro.

Que espetáculo da natureza meus irmãos e minhas irmãs! Mas continuemos.

As pombas, as  sabiás formam  seus ninhos com gravetos e ficam uma obra de arte.  Outros, constroem-nos com fios, teias e musgos em forma de tigela a exemplo dos beija-flores balança-rabo-de-máscara, entre outros.  Tem aqueles que deixam os  seus ovos sobre galhos e troncos de árvores, os urutaus.

Concluamos os exemplos mencionando um ninho muito emblemático e envolvido em lendas, que é o do João de Barro. Este ninho é verdadeiramente fantástico, como revelam as fotos abaixo:ninho06.jpg

Assim como devemos aprender com outros animais, a exemplo das formigas, aprendamos também com os pássaros, a fazer de nossas casas, escolas e locais onde desenvolvamos nossas atividades, ambientes construídos com muita determinação, ordem e carinho, para que neles reinem a segurança,  o  bem estar e aconchego, que existem nos ninhos dos pássaros.

 ninho7.jpg

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s